To Infinity & Beyond!

-Passei 17 anos de minha vidinha, insignificante no mundo, onde me ensinaram quem eu sou. Tenho estado muito ocupada com os meus principios e ideologias.Tenho sido generosa e diferente, não sou uma típica adolescente. Nao me preocupo com roupas de grife, nem com fofocas, sou reservada, e ainda vivo com a esperança de encontrar meu principe ideal. Sorrio com coisas inimagináveis e sei perfeitamente o ponto de equilíbrio de tudo. Sei ser Feliz, sei o que tenho que fazer ou deixar de fazer, sei o que me machuca e quando fugir, sei, que tem pessoas eclipsadas, atormentadas, que nao tiveram a oportunidade de saber tudo o que eu sei da vida, fazendo a vida dos outros imposiveis.

To Infinity & Beyond!
+
+
+
+
lunar-amethyst:

-
+
+
+
+
+

Nature/Love/quotes
+
"O amor quando acaba nunca passou de uma decepção. De uma mentira com propaganda enganosa. É uma ilusão que te cega, te consome e te esfaqueia pelas costas.. Um mundo que você mergulha, se esquecendo até mesmo que não sabia nadar. Você vai se afogando aos poucos. Ninguém escuta os seus exaustosos gritos de socorro. Uma prisão te rodeia, onde não há alternativas de fuga. Seu coração se desgasta. Suas esperanças morrem. As lembranças torturam. A saudade te sufoca sem dó, nem piedade. A aflição lhe sobe á cabeça. E você insiste a se lembrar que um dia esse pesadelo irá acabar. Porém não é atoa que dizem que nenhuma dor é eterna? Toda mágoa é por fim, passageira. Esse coração rejuntou seus cacos, saiu do buraco. Aquela menina ingenua disse adeus a vida. Pegou toda a admiração que sentisse por ele e jogou no ar. Aprendeu a não cair em sórdidos joguinhos de promessas. Não se deixou ser abatida por devaneios. E por fim, encontrou a saída adentro daquele túnel escuro."
Seu coração caiu na real e então nunca mais deixou-se ser iludido.  (via desmerecida)
+
+
"Vai passar, tu sabes que vai passar. Talvez não amanhã, mas dentro de uma semana, um mês ou dois, quem sabe? O verão está aí, haverá sol quase todos os dias, e sempre resta essa coisa chamada ‘impulso vital’. Pois esse impulso ás vezes cruel, porque não permite que nenhuma dor insista por muito tempo, te empurrará quem sabe para o sol, para o mar, para uma nova estrada qualquer e, de repente, no meio de uma frase ou de um movimento te surpreenderás pensando algo assim como ‘estou contente outra vez’."
Caio Fernando Abreu.  (via desmerecida)
+
+
the-personal-quotes:

click for zodiac facts on your dash
+